Sem categoria

Preconceito às avessas… Afff, me deixe em paz!!

biquini1

O plus size nunca esteve tão em alta. Se eu sou contra? LÓGICO que não. Acho as modelos maiores lindas demais e fico muito feliz em ver que mulheres de todas as formas e tamanhos estejam sendo representadas. Inclusive acho que no dia que as novelas e os filmes trouxerem mulheres gordas (não vou usar eufemismos, ok?) como protagonistas e não como aquela personagem desajeitada e engraçada vai ser uma vitória maior ainda. Mas existe uma coisa nisso tudo que me incomoda. É o preconceito ao contrário. Sim, noto que tem uma leva de pessoas que metem o pau nas pessoas como eu que decidiram emagrecer e levar uma vida saudável. Como se fôssemos fúteis, infelizes e que não temos prazer algum na vida. Escuto constantemente que estou magra demais, ouço direto a frase “mas vc não vai emagrecer mais, não, né? Já chega!”. Estou sempre tendo meu prato analisado e ouço piadinhas de que sou neurótica etc etc. Engraçado pq uma pessoa “de bem” não vai chegar pra um gordo e falar: “vc não vai engordar mais, não, né? Já chega!”. Ave Maria, se alguém falar isso vai ser taxado de gordofóbico, intolerante e com toda razão. Então, não vejo com bons olhos as pessoas que ficam me falando isso o tempo todo. Umas inclusive que tem vários defeitos e que eu não fico apontando.

Parece que nossa magreza e estilo de vida viram domínio público, que todo mundo pode dar palpite e acho que não é bem assim que funciona. Eu estava infeliz com meu corpo, então EU fiz um regime, EU mudei meus hábitos e EU decidi compartilhar isso com pessoas que querem o mesmo. Eu não fico atrás de ninguém falando que elas estão acima do peso e pregando que elas têm que mudar. Eu não obrigo ninguém a ler meu blog, a me seguir nas redes sociais. Não mando SPAM pra ninguém e nem marco pessoas aleatórias nas minhas postagens. Esse blog, inclusive, foi criado por sugestão de várias pessoas que ficavam me pedindo conselhos e dicas através das minhas redes sociais.

Então de uma vez por todas: o negócio é ser feliz. Se vc é gorda e é feliz, que maravilha!! Se vc é magra e é feliz, yupy!! Se vc tem o cabelo black power e é feliz, uhuhuhu. Se o liso que lhe agrada, bom demais. Acho que não temos que fazer apologia à gordura, nem à magreza, nem nada. Temos que fazer apologia à felicidade e estimular que todos corram atrás dela. Se for de ser gorda, que o faça com saúde. Se for de emagrecer, então tá aí várias e várias dicas pra fazer isso, mas tb pensando sempre na saúde. Quer ser sarará? Anele! Quer ser lisa? Mete chapinha. Mas seja VOCÊ o que VOCÊ quiser. E aprenda a respeitar os outros. Não temos que respeitar só quem está acima do peso. Temos que respeitar tb quem decidiu mudar e emagrecer. Pq não??

Segue foto minha de biquini para mostrar que eu NÃO ESTOU MAGRA DEMAIS, NÃO ESTOU NADA DEFINIDA, TENHO VÁRIAS GORDURINHAS, mas estou MEGA ULTRA FELIZ com meu corpo. Se ele vai melhorar e ficar mais bonito não sei dizer. Malho com moderação, não passo fome e meu objetivo não é ter um corpo escultural e perfeito. Mas se eu cismar, terei e ninguém terá nada com isso. Sem mais!! Boa tarde!!

Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s